Perguntas Frequentes

O que é a Co-pyme?

A Co-pyme é uma plataforma de compartilhamento de conhecimentos para instituições de fomento ao empreendedorismo na América Latina e no Caribe. O site http://co-pyme.sebrae.com.br/ reúne mais de 50 soluções empresariais desenvolvidas pelo Sebrae no Brasil e com potencial de replicabilidade em outros países.

 

Como acessar o conteúdo da Co-pyme?

Qualquer pessoa pode navegar pelo site e ter informações gerais sobre as soluções. Por exemplo, para saber como são organizadas as Rodadas de Negócios no Brasil, basta visualizar o link http://co-pyme.sebrae.com.br/mercado/rodadas-de-negocio/. O conteúdo está todo traduzido para o espanhol e para o inglês.

Para ter acesso às metodologias que explicam, detalhadamente, como replicar as soluções, é preciso que a instituição se torne parceira da plataforma Co-pyme. O primeiro passo é preencher o cadastro http://co-pyme.sebrae.com.br/registrar-se/. Depois, a equipe Co-pyme entrará em contato para proceder com a formalização da parceria.

 

Qual a contrapartida da instituição parceira?

Não há contrapartida. O termo de adesão serve unicamente para formalização da associação à Plataforma Co-pyme. Depois de finalizado o procedimento, o parceiro recebe acesso ao conteúdo exclusivo, pode fazer o download das metodologias e realizar os cursos a distância. Também tem a logo de sua instituição divulgada na página dos parceiros (http://co-pyme.sebrae.com.br/parceiros/)

 

Sobre o quê são as soluções da Co-pyme?

As soluções disponíveis na plataforma estão agrupadas em sete áreas de atuação: Modelo de Atendimento, Acesso a Serviços Financeiros, Acesso a Mercados, Capacitação, Inovação, Políticas Públicas e Educação Corporativa.

Uma das áreas com maior oferta de conteúdos é a de Capacitação. Há, por exemplo, uma série de oficinas desenvolvidas especialmente para a capacitação dos empreendedores que trabalham sozinhos ou com, no máximo, um empregado (http://co-pyme.sebrae.com.br/capacitacao/para-melhorar-o-negocio/). A instituição parceira tem acesso ao guia do educador, ao manual do participante, a uma cartilha com o conteúdo para ser impresso e a um roteiro para a capacitação via SMS.

Outro destaque são as capacitações desenvolvidas para produtores rurais (http://co-pyme.sebrae.com.br/capacitacao/para-melhorar-o-negocio-no-campo/). Há, inclusive, um jogo que ensina técnicas de gestão para agricultores não alfabetizados.

 

Há cursos na modalidade EaD?

Sim, as instituições parceiras também têm acesso a cursos a distância gratuitos. Eles podem ser feitos tanto pelos funcionários das instituições quanto pelos empreendedores dos países. Para ter acesso a essas capacitações, o parceiro deve demandar à equipe Co-pyme a quantidade de senhas de acesso aos cursos que deseja.

Há, atualmente, quatro cursos EaD disponíveis no site http://co-pyme.webaula.com.br/: Sei Controlar Meu Dinheiro, Formação de Preço de Venda, Aprender a Empreender e Sei Planejar. Até dezembro, serão 10 cursos disponíveis.

 

De onde surgiu a Co-pyme?

A Co-pyme é fruto de parceria entre o Sebrae e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), com o apoio da Organização dos Estados Ibero-americanos para a Educação, a Ciência e a Cultura (OEI). A plataforma foi criada no contexto de um projeto que incluiu ações presenciais de transferência de conhecimentos e metodologias a parceiros internacionais. Um balanço sobre essa iniciativa, encerrada em julho de 2015, pode ser visto aqui.

 

Dúvidas? Entre em contato: internacional@sebrae.com.br.